17 de setembro ─ França, La Flèche: Nossa Senhora das Virtudes e As Grandezas de Maria

A capela dos milagres permaneceu intacta

Em Orléans (França), perto do rio Loire, ao lado da Igreja paroquiana Saint-Paul, havia uma capela chamada “Notre-Dame des miracles” (Nossa Senhora dos Milagres), que abrigava uma imagem bem antiga da Virgem negra, diante da qual, muitos fiéis vinham rezar. Joana D´Arc lá esteve, aos pés da Virgem Maria, para rezar, em maio de 1429.

Em junho de 1940, os Alemães bombardearam a estrada nacional, que atravessava a cidade, destruindo importante parte do patrimônio histórico, dentre os quais, a Igreja Saint-Paul. Porém, a capela em que estava a estátua de Nossa Senhora dos milagres permaneceu inteiramente intacta. Os anciãos contam que uma cadeira, colocada entre a Igreja e a capela lateral, foi atingida pelo fogo, porém, a parte que ficava na capela permaneceu intacta. Nenhum ex-voto foi danificado.

Após a guerra, decidiu-se que a Igreja não seria reconstruída, mas que a capela dos milagres seria restaurada, permanecendo sempre, de pé; a capela tornou-se, então, um santuário, onde, ainda hoje, o povo de Orléans vem rezar, se confessar e assistir às Missas.

François Maurin

Serviço dos arquivos históricos da Diocese de Orléans

Cadastrar-se é fácil, cancelar a inscrição é mais fácil ainda.
Não espere mais, inscreva-se agora. É grátis!